Impacto

Jovens técnicos formados pela IMPACTO

Data de Publicação: 02/12/2014

Para o Plano de Reassentamento a decorrer em Palma (Projecto Gás Natural Liquifeito – GNL) a IMPACTO recrutou e formou 84 jovens, maioritariamente originários da Província de Cabo Delgado, como Oficiais de Ligação com as Comunidades, Oficiais Ambientais de Campo, Enumeradores para Recenseamento, Inquiridores para Trabalhos Sociais.

A IMPACTO, ao iniciar novos projectos necessita de Oficiais de Ligação com as Comunidades, Oficiais Ambientais de Campo, Enumeradores para Recenseamento e Inquiridores para Trabalhos Sociais, e procura recrutá-los nas instituições de ensino e localmente, no distrito ou província em que decorre o trabalho de campo. Recebe em geral grande número de candidaturas e cerca de 90 % destes candidatos têm formação superior. Depois da primeira selecção por entrevista, os candidatos passam à fase de formação no fim da qual são seleccionados os mais aptos.

A duração do contrato de trabalho com a IMPACTO pode durar entre alguns meses a mais de 1 ano, de acordo com a duração das actividades da componente do projecto em que são colocados. Os novos oficiais saem da formação e do trabalho de campo com conhecimentos teóricos e práticos nas respectivas áreas e, quando o seu contrato termina, ou regressam para novo projecto da Impacto ou, na maior parte dos casos, são em pouco tempo absorvidos pelo mercado de trabalho.

A IMPACTO considera este aspecto da sua actividade como uma contribuição para a integração dos jovens moçambicanos no mercado de emprego. Pelos resultados positivos alcançados, tendo em vista os seus objectivos mais amplos, a Formação e Treino especializado de jovens técnicos é uma das realizações mais importantes da empresa.